Introdução de Novos Produtos do Tabaco no Mercado

Avisos

Problemas técnicos:
Alguns utilizadores poderão ter problemas no acesso aos serviços do registo comercial e para a atividade económica. Estamos a trabalhar na resolução destes problemas.

Lamentamos o incómodo causado.
 

COVID-19:

O portal do IAPMEI disponibiliza informação sobre os vários apoios às empresas.

Os fabricantes ou importadores que pretendam introduzir um novo produto do tabaco no mercado devem requerer à Direção-Geral das Atividades Económicas (DGAE) a respetiva autorização de introdução no mercado (AIM).

Não podem ser colocados no mercado novos produtos do tabaco sem a autorização da DGAE e a autorização emitida caduca no caso de se verificarem alterações ao produto que impliquem uma nova notificação.

Estes operadores económicos devem, ainda, comunicar à DGAE quaisquer alterações aos elementos identificativos do fabricante ou do importador e do responsável pelo pedido.

Cultivo de folhas de tabaco
Ícone de uma porta
Saiba que documentos precisa de apresentar
Ícone de uma chave
Online, com toda a segurança
Ícone de uma balança
Cumpra as regras

O QUE PRECISA DE SABER


Formas geométricas - círculo, quadrado, triângulo e losango

Pedido de autorização de introdução no mercado

O pedido de autorização de introdução no mercado (AIM) de um novo produto do tabaco é apresentado previamente à comercialização do produto, a qual não poderá ocorrer sem que a DGAE tenha emitido a respetiva autorização.

Formas geométricas - círculo, quadrado, triângulo e losango

Comunicação de alterações às informações

A atualização de informações sobre o fabricante ou importador e sobre o responsável pelo pedido da autorização de introdução no mercado (AIM) deve ser efetuada no prazo máximo de 10 dias após a verificação da alteração.