Pedir um Visto Schengen para efeitos de trânsito

Informações e formulário para a realização do pedido de visto Schengen para efeitos de trânsito.

Pedir no Local
  • Nos Postos consulares portugueses ou na Embaixada/Consulado que detém a jurisdição desse país, no caso de não haver um posto consular português 
  • Valor sob consulta
  • A qualquer momento 

Pesquise por um ponto de atendimento perto de si:

Quem pode Pedir um Visto Schengen para efeitos de trânsito?

  • Qualquer cidadão estrangeiro que não seja nacional de um Estado-Membro da União Europeia, do Espaço Económico Europeu ou da Suíça.

Quando se pode Pedir um Visto Schengen para efeitos de trânsito?

A qualquer momento.

Onde se pode Pedir um Visto Schengen para efeitos de trânsito?

Quais os documentos e requisitos para Pedir um Visto Schengen para efeitos de trânsito?

Qual o Preço para Pedir um Visto Schengen para efeitos de trânsito?

€ 60,00.

€ 30,00, para nacionais de países com acordos de facilitação com a UE e crianças a partir dos seis anos e com menos de 12.

Não tem custos, para:

  • Crianças com menos de seis anos de idade (à data da entrega do pedido de visto).
  • Estudantes e professores quando se desloquem em viagens de estudo ou formação.
  • Investigadores que se desloquem para efeitos de investigação científica.
  • Representantes de organizações sem fins lucrativos até aos 25 anos de idade que participem em seminários, conferências, eventos culturais/ desportivos organizados por organizações sem fins lucrativos.

Qual o Prazo para Pedir um Visto Schengen para efeitos de trânsito?

  • 15 dias.
  • Até 30 dias, se for necessário proceder a um exame mais aprofundado do pedido.

Como se pode Pedir um Visto Schengen para efeitos de trânsito?

Informação e instrução de visto para cidadãos estrangeiros que pretendam obter visto Schengen para fazer trânsito num aeroporto português com destino a outro país ou viajar para Portugal por motivos de turismo, profissionais/negócios ou em visita familiar.

O visto Schengen permite que o seu portador se apresente na fronteira externa, não garantindo a respetiva entrada, que será decidida pelas autoridades fronteiriças à sua chegada.

Entidade responsável por este serviço

Eventos de vida relacionados